Motorista embriagado avança parada obrigatória em Carmo do Paranaíba e causa grave acidente

0
3688

Um acidente de transito na cidade de Carmo do Paranaíba causou muitos estragos em um automóvel Fiat/Uno, cor prata, que tombou em via pública após a colisão. O fato aconteceu na tarde deste domingo (07/07), no cruzamento da Rua dos Poços com Aristeu Atanásio Boaventura, quando um veículo Chevrolet/Onix, cor cinza, avançou a parada obrigatória e acabou atingindo um automóvel Fiat/Uno, cor prata. Com o impacto o Uno tombou em via pública. O condutor do Onix fez o teste do etilômetro e acabou sendo preso por estar dirigindo embriagado.

De acordo com o boletim de ocorrência, a PM foi solicitada no local para atender ao acidente. Chegando ao lugar, deparou com Fiat/Uno tombado e o Onix encostado na via lateral, sendo que o motorista do Fiat contou que estava subindo a Rua dos Poços e ao passar pelo cruzamento da Rua Aristeu Atanasio Boaventura, o condutor do veículo Chevrolet/Onix avançou a parada obrigatória e causou a batida, com o impacto o carro tombou no centro da via pública.

Já em conversa com o condutor do Onix, José Osvaldo Gregório, 63 anos, ele contou que estava trafegando pela Atanásio dos Santos e por não haver placa de sinalização no cruzamento com Rua dos Poços ele acabou passando pelo local despercebido. Com isso atingiu o outro carro que passava no lugar. Ele também relatou aos militares que havia feito uso de bebida alcoólica. Portanto, o motorista foi convidado a fazer o teste do etilômetro, que acusou 0,52 mg de álcool por litro de sangue, onde ficou constatado que o homem estava dirigindo embriagado.

Diante dos fatos, José Osvaldo Gregório, foi preso em flagrante delito e encaminhado para a delegacia de polícia. Ainda foi recolhida a CNH do condutor e confeccionada uma AIT. Já o Fiat/Uno sofreu dezenas de avarias. A Polícia Militar registrou o boletim de ocorrência e orientou o condutor do carro sobre as providências cabíveis no caso. Nenhum dos ocupantes dos veículos sofreram ferimentos graves.

Matéria: Vanderlei Gontijo e Julio Cesar 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui