Incêndio criminoso destrói aproximadamente 70 hectares de pastagem no município de Carmo do Paranaíba

As queimadas clandestinas continuam causando prejuízos, tanto para a natureza quanto para os fazendeiros da região do Alto Paranaíba. Desta vez um incêndio de grandes proporções foi registrado no município de Carmo do Paranaíba. O fato ocorreu no último final de semana no local conhecido como Morro do Gordura, que fica entre a cidade e o Distrito de Quintinos. Moradores próximos informaram que o fogo teve início no sábado (12/09) por volta das 18h00 e se alastrou rapidamente, deixando um rastro de destruição em duas propriedades.

Segundos os relatos, em uma das fazendas, o fogo foi controlado rapidamente. Na outra, o proprietário foi informado do ocorrido por volta das 21h00 e, deparou com as chamas que já haviam consumido uma extensa área. Ele disse que a maior preocupação era não permitir que o fogo se alastrasse para propriedades vizinhas, nem atingisse os animais da fazenda. Foram mobilizadas várias pessoas para auxiliar no combate ao incêndio, mas as chamas só perderam forças pela madrugada.

De acordo com informações dos proprietários da fazenda, aproximadamente 70% da área de pastagem foi destruída pela queimada. Os bovinos que estavam na propriedade escaparam sem queimaduras. Os responsáveis pela fazenda contaram que na manhã de domingo (13) as nuvens de fumaça podiam ser vistas a quilômetros de distância. O Corpo de Bombeiros não foi acionado por falta de área de comunicação. Acredita-se que o incêndio seja decorrente de ação criminosa.

O proprietário da fazenda incendiada está oferecendo uma recompensa de 5 mil por informações seguras sobre a autoria do crime ambiental. Ligue 190 e denuncie.

Materia: Vanderlei Gontijo e Julio Cesar

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui