Funcionário de fazenda é preso pela Polícia Militar suspeito de furtar café em Carmo do Paranaíba

0
3664

Um homem de 28 anos foi preso na tarde desta quarta-feira (17/07), acusado de furtar sacas de café da propriedade onde trabalha, com o objetivo de comercializar o produto em Carmo do Paranaíba. Ele foi detido por volta das 16h30 na fazenda Cachoeira, local onde é funcionário. A polícia também apreendeu parte do produto, que estava armazenado em sacas e escondidas. O autor foi entregue ao delegado de plantão na cidade de Patos de Minas e o café devolvido ao dono.

De acordo com o boletim de ocorrência, a PM recebeu denúncia anônima de que um indivíduo conhecido como Guilherme, estaria indo constantemente no Bairro Santa Cruz, vender café furtado na fazenda Cachoeira, onde o suspeito trabalha. O relato seria de que ele furtava o café e levava para outra fazenda, que também é propriedade de seu patrão. O denunciante ainda contou que durante a madrugada desta terça (17), o autor teria furtado 8 sacas do produto que seriam negociadas no dia seguinte.

Com essas informações, os militares entraram em contato com o dono da fazenda, e juntos foram até a propriedade, sendo que, durante buscas, foi encontrado um veículo que estaria sendo usado para transportar o café até a cidade. Em seguida, o autor Guilherme Pereira Paiva, 28 anos, foi localizado numa “rua de café” há aproximadamente 100 metros do terreiro. Em conversa com os policiais, o acusado acabou confessando o crime.

O autor ainda relatou que o café furtado no dia anterior se encontrava na fazenda Boa Esperança, lugar onde ele reside, e que também pertence à vítima. Neste momento foi dada voz de prisão para Guilherme, que tentou evadir correndo, mas foi contido e preso. Os policiais levaram o suspeito até a outra fazenda e localizaram as sacas de café, e ainda encontraram uma saca da mesma espécie com feijão, também produto de origem duvidosa.

Diante dos fatos, foi realizado contato com a delegacia de polícia de Patos de Minas, momento em que o delegado de plantão, autorizou que o café fosse devolvido ao proprietário. Já o suspeito Guilherme Pereira Paiva, 28 anos, foi preso em flagrante delito. O feijão também foi apreendido e apresentado na delegacia.

Matéria: Vanderlei Gontijo e Julio Cesar
Fonte: Policia Militar de Carmo do Paranaíba

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui